Home     Biografia     Fotos   Curriculum    Família
   Depoimentos    Atividades    Livros    Contatos



Ser, Mundo e Esperança


          Neste livro, que venho lançar, reúno reflexões transcritas em caderno, sob forma de diário, embora várias vezes interrompidas, artigos publicados em jornais, alguns trabalhos ou conferencias que, por sua temática, pareceu-me pertencer à este volume.

          Dividi-o em três partes: Ser, Mundo e Esperança. A primeira apresentada na seqüência cronológica do diário, estão pensamentos sobre assunto fundamental da problemática que angustia o coração do homem, esse dado jubiloso e precário que é ser, estar presente no transcurso dos dias, emergente do nada e banhado pela luz da existência e da consistência entitativa.

          Na segunda parte, medito sobre várias questões relativas à existência histórica, passada e presente, nos diversos ângulos da vida, do nosso país e do mundo.

          Na terceira e última, abordo assuntos relativos à Fé Cristã e à Igreja, onde se encontram localizadas as expectativas de uma vida plena e perene e da missão de servir à esperança da libertação definitiva da escuridão do nada e do pecado, que repudia a Deus e a tudo que faz a alegria e a consolação da precária da vida humana.

          Reconheço que alguns tópicos não se adéquam às preocupações de certo número de leitores. Mas outros, sim. Embora o livro esteja disperso por muitos parágrafos de tons variados e assuntos múltiplus, creio que há nele a unidade de quem pensa e discorre voltado para a mensagem a transmitir do serviço à Revelação de Deus e à promessa de Salvação que Nosso Senhor Jesus Cristo nos deixou, dando como garantia e ajuda as moções do Espírito Santo.

          Por isso, começo o livro com um comentário de São Cipriano à oração que o Senhor Jesus nos ensinou, como o meio por excelência para falarmos ao Pai, proclamarmos sua excelsitude e pedirmos seu amparo e sua iluminação.

          Para mim, Cipriano tem um significado especial. Meu amigo e mestre na doutrina cristã, Hélio José Ribeiro, era oblato de São Bento, com o nome de Cipriano e, eu mesmo, ao fazer-me postulante a oblato, embora comentavelmente não passasse disso, adotei esse nome. Não somente isso, admiro São Cipriano pela fidelidade a Cristo, em sofrendo o martírio extremo, como pelo sentido autêntico das tradições da Igreja, zeloso pelo significado pastoral e missionário de Pedro, em conjugação com o colégio dos sucessores dos Apóstolos e das comunidades eclesiais que eles presidem e manifestam.

          Finalmente, quero registrar minha gratidão por toda minha família, nas horas difíceis que tenho passado. Registro a contribuição de cada um deles, sem o que não teria podido continuar a escrever, a Luiz Carlos, Maria Ângela, Paulo Henrique, Ana Letícia, Hélio José, Rosa Myriam, Mônica Maria e a minha esposa Elze.

          Na revisão do manuscrito participaram Elze e Ângela. Na digitação, Rosa, Ana e meu neto Thiago. Nos demais trabalhos para promover essas démarches: Mônica, Ângela e Luiz Carlos, sobretudo este que me tem ajudado desde a preparação de ¨Razão e Fé em Jackson de Figueiredo¨ até ao presente livro, que vai a lume para os que me concederem a graça de lê-lo.

          Agradeço ainda ao irmão em Cristo, Cláudio Barreto, que como ministro da Escaristía, me trouxe o alimento de Cristo, quando estava impedido de sair e me mantém os contatos para publicação dos artigos e desta obra.

          José Silvério Leite Fontes

Alguns capítulos do livro SER, MUNDO E ESPERANÇA:
Parte 1 :
A Oração
A Razao e a Aposta da Fé
Fé e Razão
Indivíduo e Sociedade

Parte 2 :
O Cientista imita a Deus
Crise Brasileira e Dívida Externa
Ética e Política
A Globalização das Ações Políticas, EconÔmicas e Culturais Internacionais
Possível Libertação da Injustiça Radical do Sistema Capitalista
A Questão Rural e o Episcopado Brasileiro
Sonho de uma Manhã Primaveril

Parte 3 :
A Circularidade Dialética Entitativa do Homem
A Herança do Pecado Original
As Pastorais Sociais da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil
Comunhão dos Santos – Comunhão dos Homens
A Caridade
Hierarquia e Laicato
O Apostolado Leigo
O Associonismo Católico
Para que sejam Perfeitos na Unidade
Por que fazer Sacrifícios
Semana Santa
Todos os Santos

Voltar a página anterior

2008 © Todos os direitos reservados
Desenvolvido por: Bruno BOSS